Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 25/09/2021 | 03:34

Joaçaba

Deputado joaçabense morto no regime militar é homenageado na Câmara

Publicado em 04 de Setembro de 2013 às15h46

Internet

Foto: Internet

Em quatro de setembro de 1973, há exatos 40 anos, o deputado joaçabense Paulo Stuart Wright, na época já cassado pela ditadura militar, era sequestrado e conduzido ao Doi-Codi em São Paulo. Até hoje seu corpo não foi encontrado. Em sessão de terça-feira (3), o vereador Éber Bundchen fez uma homenagem e revelações sobre Wright.

A sessão contou com a presença do empresário joaçabense Tadeu Margarida, amigo e companheiro de Paulo Wright na luta pela democracia. Com Tadeu, Éber colheu informações sobre a vida e atuação de Wright nos anos em que morou em Herval D’ Oeste e Joaçaba. O ex-deputado é definido por Tadeu Margarida como um defensor dos direitos dos trabalhadores, pois, já na década de 60 militava para que empregadores adquirissem os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), para uso dos empregados. Aqui, Wright foi também fundador do Sindicato dos Metalúrgicos, Papelão e Cortiça. Foi um grande pioneiro no sindicalismo do Oeste catarinense, incentivando a criação de vários sindicatos e cooperativas. Teria tido também atuação fundamental na fundação da cooperativa Coperio, hoje Copérdia.

“Wrigth era considerado um dos homens mais notáveis da época. Chegou a disputar uma eleição para prefeito de Joaçaba, tendo sido derrotado por Valdomiro Silva por nove (9) votos, com suspeitas de fraude”, relatou o vereador Éber.

Durante toda esta semana, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina estará realizando uma série de eventos para homenagear a memória do catarinense, seu trabalho junto a comunidades carentes e suas ações de luta contra o regime militar. Uma das principais atividades será uma audiência pública para coleta de informações sobre o desaparecimento de Wright.

“Em muitos aspectos vejo uma grande empatia com Paulo E. Wright, pois, assim como ele, também sou filho de pastor, tenho um casal de filhos e luto pela conquista dos direitos das pessoas. Que não percamos a memória e não deixemos de levar a diante o nome de pessoas como Paulo Stuart Wright que lutou para que pudéssemos ter este Estado democrático de hoje”, finalizou o vereador Éber.

Fonte: Adriana Panizzi

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X