Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 15/07/2024 | 01:46

Esportes

Sem campo para jogar no próximo ano, pais se mostram preocupados com filhos

Publicado em 05/12/2013 ás10:30

Eliete Squerzzato

Foto: Eliete Squerzzato

Pais dos atletas e diretoria do Joaçaba Atlético Clube e AABB, se reuniram na noite dessa quarta-feira, (05), nas dependências da Associação Atlética Banco do Brasil, em Joaçaba para tratar de assuntos relacionados ao futuro do clube.

A maior preocupação dos pais em relação aos atletas é definir onde será realizado no próximo ano os treinos e competições com os mais de 120 atletas que hoje fazem parte das categorias de base do clube, tendo em vista que, dentro de pouco tempo as atuais instalações do Estádio Oscar Rodrigues da Nova, devem vir abaixo.

A diretoria do JAC e AABB, tem nesses últimos dias buscado alternativas e parcerias importantes para dar andamento aos trabalhos que vem sendo realizado com os meninos, e por isso, já tem em vista um local que servirá para a realização dos treinos, e um outro para as competições.

De acordo com Alexandre Danielli, presidente do JAC, é uma situação dificil, pois os esportistas e familiares dos atletas, querem o esporte no centro de Joaçaba, para facilitar a ida deles aos treinos. "Nesta reunião pais e mães deixaram claro que estão preocupados com a distância de novos locais do futebol, pois com filhos apartir de 10 anos de idade, como irão se deslocar? Parte da população que não tem esportista quer a construção do parque municipal no centro, com isso, com certeza alguém sairá perdendo, e neste momento, é o esporte", diz.

Mesmo a diretoria do JAC tendo mostrado novas alternativas para os pais e atletas, eles saíram da AABB indignados com a situação que a prefeitura os deixou, e exigem então que já que o local onde será treinado e realizado as competições necessite de transporte, que o mesmo seja pago pelo poder público. "Não é justo que eles simplesmente destruam, não vamos nos calar, vamos exigir nossos direitos e auxiliar no que for preciso para que o trabalho com os meninos continuem", diz um pai.

"O futebol apenas será mais um esporte sem local público, assim como tantos outros que dependem de ginásios privados", diz a mãe de um atleta.

Alguns atletas que também participaram da reunião, apoaim a diretoria do Joaçaba Atlético Clube, e também se mostraram preocupados com as mudanças que devem ocorrer em breve. "É uma vergonha o que eles estão fazendo com nós, deixando todos sem estádio e simplesmente sem nos dar uma solução, sem nos garantir outro local", afirma um dos atletas revoltado.

Hoje o JAC tem categorias de base sub-11, sub-13, sub-15, sub-17 e com o sub-19 pretende no próximo ano jogar a terceria divisão do estadual. "Vamos continuar trabalhando para que esses meninos que hoje estão conosco sejam o futuro do futebol de nossa cidade. Temos insistido com eles para terem boa educação, disciplina e para levarem o nome de Joaçaba por onde forem. Vamos buscar novas alternativas e continuar nosso trabalho", diz Rony Lenz, presidente da AABB.

Fonte: ativasport.com

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X