Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 22/02/2024 | 20:45

Esportes

Avaí nomeia Gustavo Morínigo como novo técnico

Publicado em 17/05/2023 ás14:00

Divulgação

Foto: Divulgação

O ex-técnico do Ceará, Gustavo Morínigo (46), foi confirmado como novo treinador do Avaí na noite da última segunda-feira (15). O novo treinador se apresentou nesta terça-feira (16) na Ressacada para oficializar a contratação do treinador paraguaio. 

Em clubes brasileiros, Gustavo Morínigo, conta com passagens no Coritiba e no Alvinegro de Porangabuçu. No Paraguai, foi treinador do Nacional, Libertad e Cerro Porteño, além disso, carrega na bagagem passagem na Seleção Paraguaia Sub-20.

O que o novo técnico do Avaí pode fazer pelo clube 

O Avaí estava sem técnico definido desde que Alex Santos deixou o clube depois de sofrer a derrota de 3 a 0 para o Vila Nova, em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, no dia 3 deste de maio. Atualmente o Avaí ocupa o 14º lugar na tabela classificatória, ficando atrás do Ceará-SC. O balanço do time na competição é certamente preocupante, já que das 6 partidas jogadas, 4 foram derrotas. Vale ressaltar que foram 4 derrotas por goleada. 

O novo técnico encontra o Avaí com dificuldades e será desafiador para o técnico ter como missão uma mudança positiva rápida, a fim de buscar uma melhora no desempenho do time na competição que iniciou no dia 15 de abril e se estenderá até o dia 25 de novembro.

A experiência do paraguaio  em solo nacional iniciou no clube Coritiba, em 2021. Enquanto atuou no time paranaense, o treinador paraguaio apostou em ataques ágeis. Além disso, uma de suas estratégias era fazer uma saída de três, onde o volante percorria entre os zagueiros com a intenção de livrar os laterais. Na época, o Coritiba buscava a profundidade por meio do passe pelo a  lateral direita.

Em suma, o Coritiba usufruía mais de estratégias laterais e menos pelo corredor central, onde os jogadores tinham o costume de pisar na área nas jogadas de cruzamento. O técnico conquistou o acesso com o clube paranaense, liderando até mesmo uma etapa do torneio. 

Já no Ceará, Morínigo não conseguiu evitar um início desfavorável na Série B para o clube, e foi desligado do clube no dia 24 de abril, na véspera da final da Copa do Nordeste. Logo na estreia do campeonato, o Ceará sofreu 2 gols do Ituano. Além do baixo rendimento do clube no torneio nacional, o Ceará foi goleado pelo o adversário Guarani por 3 a 0. Segundo fontes, isto teria sido a gota da água para a diretoria do clube cearense. 

Próximos confrontos do Avaí e Chapecoense

A 7ª rodada da Série B conta com o confronto do Avaí enfrentando o Atlético-GO, que recebe os Leões da Ilha em casa nesta sexta-feira (19), às 21:30, no Estádio Antônio Accioly. A partida é responsável por marcar a estreia da chegada do novo técnico ao Avaí. Após a vitória contra o Avaí, a Chape se prepara para enfrentar o Juventude em casa, na Arena Condá, às 11 horas.

Chapecoense goleia Avaí por 4 a 1 na 6ª rodada da série B

Na última sexta-feira (12), o Avaí enfrentou em casa a Chape. O duelo foi marcado por diversos acontecimentos que fizeram a partida ficar um tanto agitada. Teve expulsão, substituição de árbitro e, claro, gols. O duelo, válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B garantiu ao Verdão a quebra de uma sequência de 3 derrotas. 

O confronto foi marcado pela expulsão do jogador Felipe Silva por conta de uma falta feita próxima à área bem no início da partida. A pressão em cima do Leão fez com que o zagueiro do Avaí fosse punido com expulsão após dar um pisão no meio campista da Chapecoense, o paranaense Bruno Nazário. A falta cometida por Felipe aconteceu quando o Bruno investia entre a área defensiva dos donos da casa. 

Após análise feita pelo o VAR no lance, o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima penalizou com cartão vermelho o jogador Felipe Silva. Embora ambas equipes jogassem buscando resultados, a falta que um jogador deixou com 1 minuto e 20 segundos de partida foi muito sentida pelo Avaí.

Baixo desempenho do Avaí provocou saída do técnico Alex de Souza

Após comandar o Avaí por 18 partidas, dentre as quais foram 8 derrotas, 6 vitórias e 4 empates, Alex de Souza é demitido do Avaí. No total, foram 25 gols sofridos e 22 marcados pelo Time da Raça. Sob os comandos do treinador Alex, o Avaí foi desclassificado pelo Criciúma nas quartas de final da Competição Estadual, o que resultou na queda para o Retrô logo na 1ª fase da Copa do Brasil.

A diretoria do Avaí se encarregou de comunicar o encerramento da passagem do treinador Alex um dia após a derrota contra o adversário Vila Nova, no dia 4 de maio. Na coletiva de imprensa, o presidente Júlio Heerdt, comunicou juntamente ao vice-presidente Bruno Comicholi: 

“Chegamos a um comum acordo e encerramos o trabalho do profissional aqui no Avaí. Nós vamos trabalhar bastante para reverter esse resultado (...). Quero agradecer ao Alex de Souza, PC Oliveira e João Paulo Cavalcanti pelo trabalho que fizeram e desejo sucesso nos novos projetos”, concluiu Júlio. 




Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X