Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 16/10/2021 | 23:16

Herval d' Oeste

UPA tem prazo até julho para entrar em funcionamento

Publicado em 17 de Abril de 2014 às14h00

(UPA) Unidade de Pronto Atendimento

Foto: (UPA) Unidade de Pronto Atendimento

Na tarde da quarta-feira (16), foi realizada no auditório da Ammoc, Assembleia Geral Ordinária. Os trabalhos foram conduzidos pela presidente da Ammoc prefeita de Catanduvas Gisa Giacomin.O principal assunto em pauta foi a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), construída em Herval d’ Oeste e que deverá atender 11 municípios da região. Presentes a reunião a secretária de Saúde de Herval d’ Oeste Ivone Esquina, a diretora administrativa da Secretaria Eugenia Bucco, outros profissionais da área de saúde,a procuradora geral do município Katia Hack e a gerente regional de Saúde Ivanice Peccin.

Eugenia apresentou aos prefeitos sugestões para que a UPA entre em funcionamento. A gestão está sendo feira pela Secretaria de Saúde de Herval d’ Oeste. Quanto à administração da Unidade a proposta é que ela seja feita diretamente pelo próprio município de Herval d’ Oeste. “A formação de um Consórcio é inviável pelo pouco tempo hábil, pois a UPA tem que entrar em funcionamento em julho”.

Segundo Eugenia a UPA vai atender 55 municípios que contam com 32 unidades hospitalares sendo cinco prestadores de serviços de urgência e emergência. Habilitada como UPA de porte 1, vai abranger 11 municípios: Água Doce, Catanduvas, Erval Velho, Ibicaré Lacerdópolis, Luzerna, Treze Tílias, Joaçaba, Vargem Bonita, Jaborá e Herval d’ Oeste, atendendo uma população de  mais de 96 mil habitantes. Ouro e Capinzal vão ser beneficiados com uma Sala de Estabilização que funcionará em Capinzal.

A UPA funcionará 24 horas por dia nos sete dias da semana com uma média prevista de mais de 200 atendimentos diários com um nível de resolutividade de 97%. Com uma área de 874,10 metros quadrados contará com 31 funcionários entre enfermeiros, técnico de enfermagem, auxiliar administrativo e maqueiros (estagiários). A folha de pagamento destes funcionários será absorvida pela Prefeitura de Herval d’ Oeste que fará contratação via teste seletivo ou concurso público. Estas contratações vão aumentar a folha de pagamento da Prefeitura em 6%. Contando a folha de pagamento dos funcionários, mais dos médicos, despesas com manutenção, limpeza, alimentação, lavanderia, análises clinicas entre outras despesas o custo mensal da UPA será de R$ 400 mil.

O prefeito Nelson Guindani informou que o Governo Federal irá repassar R$ 100 mil mensais, se receber a qualificação, mais R$ 70 mil, e mais o valor que o estado deverá repassar. Para custeio total da UPA os municípios terão que investir R$ 140 mil mensais, rateados entre os 11. “Já de antemão adiantamos que os recursos da União só vão ser aportados a partir do terceiro mês de funcionamento da UPA. Se a unidade não entrar em funcionamento até julho teremos que devolver recursos, por isso precisamos de uma resposta imediata dos senhores prefeitos.”

Guindani também afirmou que os municípios não irão mais repassar recursos para o Hospital Universitário Santa Terezinha (HSTU), que os valores irão para a UPA. Para definir a adesão dos municípios nova reunião foi marcada para quarta-feira (23) às 14 horas na UPA com a presença da diretoria do HUST. O momento servirá também para que os prefeitos conheçam a obra.              

Fonte: Joce Pereira

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X Caco da Rosa