Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 16/09/2021 | 18:03

Polícia

Preso médico denunciado por crime sexual

Publicado em 20 de Outubro de 2014 às10h00

Imagem ilustrativa

Foto: Imagem ilustrativa

No fim da tarde do sábado (18) foi preso, em Xanxerê, o médico acusado de crimes sexuais. A prisão foi decretada pelo Tribunal de Justiça atendendo a recurso do Ministério Público de Santa Catarina. Denunciado pelo crime de posse sexual mediante fraude, uma espécie de abuso sexual, o médico estava proibido de exercer a medicina em entidades públicas e tinha a obrigação de se recolher em seu domicílio no período noturno e nos finais de semana.

O médico foi flagrado, no entanto, em um shopping de Chapecó e inclusive postou  fotos no Facebook de uma festa num final de semana com um grupo de amigos. O Ministério Público requereu, diante do descumprimento, a prisão preventiva, que foi negada pelo Juízo da Comarca. O Ministério Público recorreu ao Tribunal de Justiça, que aceitou os argumentos e decretou a prisão do médico na tarde da sexta-feira.

O médico foi preso às 17h30 do sábado e levado para o Presídio de Xanxerê. Ficará, agora, à disposição da Justiça. A ação criminal contra o médico por crime de posse sexual mediante fraude foi ajuizada há dois anos. No decorrer do processo, o médico abusou de mais quatro mulheres, uma delas com 17 anos. Os crimes ocorriam em seu consultório e em postos de saúde.

Com os atos criminosos recorrentes, mesmo durante o processo penal, o Promotor de Justiça havia requerido, ao Juízo da Comarca, a prisão ou recolhimento domiciliar. O Juízo decretou o recolhimento domiciliar, que vinha sendo descumprido.

Por envolver adolescente e crimes contra a liberdade sexual, o processo corre em segredo de justiça.

Fonte: MP/SC

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Droga Raia

Av. XV de Novembro, 263 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-9356

Droga Raia
X