Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 19/05/2024 | 18:42

Joaçaba

Morador de Luzerna morre com suspeita de hantavirose

Publicado em 16/12/2014 ás19:30

Imagem ilustrativa

Foto: Imagem ilustrativa

Um homem de 47 anos do município de Luzerna faleceu nesta terça-feira (16) no Hospital Universitário Santa Terezinha, com suspeita de hantavirose. A informação foi confirmada pela enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica da Regional de Saúde, Clecí Lucini.

De acordo com a enfermeira, até agora apenas uma jovem de Joaçaba, que morreu no mês de novembro, foi confirmada como vítima da doença. "Aquela moça de 21 anos que falaram que havia morrido por ter inalado o gás da geladeira", apontou Clecí. Um paciente de 32 anos que morreu no município de Capinzal, também é suspeito te ter contraído a doença. A Vigilância aguarda para esta semana o resultado do Laboratório Lacen de Florianópolis, que deve confirmar as suspeitas que os dois pacientes também foram vítimas de hantavirose.

“Nos preocupa o número de casos e a evolução rápida do quadro”, disse a enfermeira ao comentar que as vítimas demoraram para procurar atendimento. Segundo ela, os pacientes morreram 12 horas após dar entrada no hospital, sendo que o homem de Luzerna permaneceu internado por 48 horas.  

“É importante que as pessoas procurem assistência médica de imediato, mesmo que não se confirme a doença. Se confirmada, o quadro pode ser revertido com internamento do paciente na UTI, onde será entubado para respirar com a ajuda de equipamentos”, alertou Clecí, pois o vírus pode ser confundido com um quadro viral de gripe. Os sintomas mais comuns da hantavirose são: falta de ar, tose, dor de garganta e dores pelo corpo.

A enfermeira afirma que a contaminação acontece por aspiração. “É comum nessa época do ano os ratos ficarem sem alimentos, por isso procuram os paióis onde deixam secreção, saliva, vezes e urina”.

Neste ano, a Vigilância Epidemiológica notificou 11 casos da doença, sendo dois até agora confirmados: a morte da joaçabense e uma menina de 10 anos no município  de Jaborá, que já esta em casa fora de perigo.

Hantavirose

É uma doença infecciosa aguda e grave, causada por um vírus do gênero Hantavírus e que pode levar a morte em apenas 72 horas. No início há febre, tosse seca, dor no corpo, náuseas, diarreia, dor de cabeça, vômitos, dor abdominal, dor torácica, suor e vertigem e pode evoluir para falta de ar intensa. É transmitida por roedores silvestres através da urina, fezes e saliva. A transmissão mais comum é pela aspiração de poeira contaminada pelo vírus. É característica de áreas rurais, que contamina agricultores, pescadores, trabalhadores de reflorestamento, trabalhadores de galpões, paióis, armazéns fechados e pouco ventilados.

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X