Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 25/05/2024 | 07:29

Estado

Mais de mil casos de dengue confirmados em SC

Publicado em 07/04/2015 ás09:15

Imagem ilustrativa

Foto: Imagem ilustrativa

Boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) nesta segunda-feira informa que, de 1º de janeiro a 6 de abril de 2015, foram confirmados 1.078 casos de dengue em Santa Catarina. Deste total, 816 são autóctones (transmissão dentro do Estado), 60 importados (transmissão fora do Estado), três casos indeterminados (não é possível determinar o local provável de infecção) e 199 estão em investigação para definir o local de transmissão. Outros 2.321 casos foram descartados por apresentarem resultado laboratorial negativo para dengue. 

Os 816 casos autóctones foram transmitidos em Itajaí. Os dados até o momento apontam que o pico da transmissão ocorreu na semana de 8 a 14 de fevereiro com 125 casos. O município apresenta uma taxa de incidência (total de casos novos na população) de 405 casos por 100 mil habitantes, o que caracteriza epidemia. A transmissão em Itajaí continua concentrada nos bairros São Vicente e Cordeiros. Mesmo assim, o Estado permanece em alerta, pois, tendo em vista o aumento no número de municípios infestados e a situação epidemiológica da dengue em outros estados do Brasil, existe o risco de transmissão em outros municípios catarinenses se as ações forem descontinuadas. 

Na Semana Epidemiológica (SE) 6 (8 a 14 de fevereiro), 144 casos foram confirmados, sendo 125 autóctones, 12 importados, 1 indeterminado e seis estão em investigação para determinar o local de infecção. Outros 21 exames aguardam resultado laboratorial e 342 foram descartados. 

Na SE 7 (15 a 21 de fevereiro), 136 casos foram confirmados, sendo 119 autóctones, seis importados e 11 em investigação para determinação do local de infecção. Outros 30 exames aguardam resultado laboratorial e 282 foram descartados. 

Na SE 8 (22 a 28 de fevereiro), 146 casos foram confirmados, sendo 122 autóctones, cinco importados, um indeterminado e 18 casos confirmados estão em investigação. Outros 34 exames aguardam resultado laboratorial e 284 foram descartados. 

Na SE 9 (1º a 7 de março), 144 casos foram confirmados, sendo 108 autóctones, quatro importados , um indeterminado e 31 casos confirmados estão em investigação para determinar o local de infecção. Outros 13 exames aguardam resultado laboratorial e 339 foram descartados. 

Na SE 10 (8 a 14 de março), 153 casos foram confirmados, sendo 104 autóctones, dois importados e 47 em investigação para determinar o local de infecção. Outros 25 exames aguardam resultado laboratorial e 277 foram descartados.

Na SE 11 (15 a 21 de março), 98 casos foram confirmados, sendo 46 autóctones, dois importados e 50 em investigação. Outros 243 exames aguardam resultado laboratorial e 102 foram descartados. 

Na SE 12 (22 a 28 de março), há 26 casos confirmados em investigação. Outros 53 exames aguardam resultado laboratorial e 62 foram descartados. 

Em Santa Catarina, até o momento, foram identificados 3.379 focos do mosquito Aedes aegypti, que transmite a doença. Os municípios de Balneário Camboriú, Chapecó, Coronel Freitas, Guarujá do Sul, Guatambu, Itajaí, Itapema, Joinville, Palmitos, Passo de Torres, Pinhalzinho, Planalto Alegre, São Miguel do Oeste, Serra Alta, Xanxerê e Xaxim são considerados infestados pelo mosquito, definição realizada de acordo com a disseminação e manutenção dos focos.

Fonte: Assessoria

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X