Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 16/09/2021 | 18:56

Polícia

Procurou a polícia para denunciar abuso contra companheira e acabou preso

Publicado em 08 de Abril de 2015 às21h00

Polícia Civil/Divulgação

Foto: Polícia Civil/Divulgação

João Carlos Bassetto, 47 anos, procurou a delegacia de Catanduvas nesta quarta-feira (08/04) para denunciar um suposto abuso sexual contra sua companheira, uma adolescente de 15 anos.

Intrigado com a relação entre o casal com 32 anos de diferença, e desconfiando da versão da menina, o delegado Bruno Boaventura submeteu João Carlos a um minucioso e exaustivo interrogatório, até descobrir que ele foi condenado por atentado violento ao pudor (estupro) contra uma criança há cinco anos no município.

“Pesquisando em nossos sistemas, verificamos que João Carlos teria respondido a inquérito policial e processo criminal em Catanduvas, sendo finalmente condenado a uma pena de 13 anos e 06 meses de reclusão em regime fechado, no entanto, estava em liberdade”, informou o delegado.

“O que nos impressionou nessa ocorrência foi a ousadia desse cidadão em comparecer à delegacia dizendo-se companheiro de uma menina de 15 anos, sendo que a mesma teria fugido de casa para conviver com ele. E também pelo desleixo dos pais em relação à criação dos filhos, pois mesmo após a fuga de casa, a adolescente foi autorizada pela própria mãe a morar com um homem 32 anos mais velho e condenado por abuso sexual”, relatou o delegado.

João Carlos Bassetto será encaminhado ao Presídio Regional de Joaçaba para iniciar o cumprimento de sua pena de 13 anos e 06 meses de reclusão.

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Droga Raia

Av. XV de Novembro, 263 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-9356

Droga Raia
X