Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 25/04/2024 | 05:50

Joaçaba

Joaçaba comemora 98 anos nesta segunda-feira

Publicado em 24/08/2015 ás10:30

Joaçaba

Foto: Joaçaba

O município de Joaçaba comemora nesta segunda-feira (24), 98 anos de emancipação político-administrativa. Embora a data do aniversário seja no dia 25 de agosto, neste ano o feriado foi antecipado a pedido do comércio local. Nos municípios vizinhos de Herval d´Oeste e Luzerna também é guardado feriado.

Para marcar a data, a administração municipal vai inaugurar a revitalização do Acesso Adolfo Ziguelli, tida como a maior obra viária dos últimos anos em Joaçaba.  O ato está marcado para as 16h30, próximo à entrada do bairro Anzolin, com a presença do governador Raimundo Colombo. Foram 14 meses de obras e 40 anos de espera. “Um momento importante e que precisa ser celebrado e comemorado. Muito mais que a realização de um sonho, a concretização de um compromisso, meu, do governador, do vice Marcos Weiss e toda a nossa equipe”, comemora o prefeito Rafael Laske.

História de Joaçaba

O interior do atual estado de Santa Catarina era ocupado, até o final do século XVIII, pelos índios caingangues. A partir de então, a ocupação não indígena do território se efetivou militarmente. O território hoje pertencente ao município já fez parte de uma grande extensão de terra que foi reivindicada por Brasil e Argentina, na disputa de limites, com base no Tratado de Tordesilhas. Depois, essa mesma região foi motivo de uma disputa interna, envolvendo os Estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina.

A duplicidade de autoridade, aliada a injustiças sociais e desmandos praticados contra a população de origem cabocla, criou um clima de insatisfação e revolta. Com a construção da estrada de ferro ligando São Paulo ao Rio Grande do Sul, a situação se agravou, com a eclosão da Guerra do Contestado iniciada com a chamada Batalha do Irani.

A Guerra do Contestado chegou ao fim, enquanto o presidente brasileiro Wenceslau Brás decidia a disputa entre o Paraná e Santa Catarina, com a maior parte desta região passando a integrar-se ao território catarinense.

Criação

O decreto-lei que criou o município é o número 1 147, de 25 de agosto de 1917, sancionado pelo então governador do Estado, coronel Felipe Schmidt. O município, com o nome de Cruzeiro e sede provisória em Limeira, só foi instalado em novembro de 1917. A Lei Municipal Quinze, de 2 de janeiro de 1919, criou o Distrito de Limeira e a Lei Estadual 1 243, de 20 de agosto do mesmo ano, transferiu a sede para o povoado de Catanduva, que passou à categoria de Vila, com o nome de Cruzeiro. Em 1926, pelo Decreto Estadual 1 848, a sede retornou ao povoado de Limeira. Em 1938, pelo Decreto Estadual 86, a vila Cruzeiro do Sul foi elevada à categoria de cidade, com o nome de Cruzeiro. Finalmente, em 1943, pelo Decreto-lei Estadual 238, de 31 de dezembro, município e cidade passaram a denominar-se Joaçaba.

Imigração e Desenvolvimento

A população atual de Joaçaba tem origem, principalmente, nos migrantes gaúchos, principalmente da região de Caxias do Sul, de origem italiana e alemã, que, de posse de pequenas colônias de terra, deram os primeiros passos na produção agrícola. A área do município, com terras férteis e matas nativas, proporcionou a exploração da madeira e da erva-mate, atividades que eram desenvolvidas paralelamente à agricultura.

Mais tarde, começaram a surgir as primeiras indústrias de implementos agrícolas, acentuando-se as atividades comerciais e formando-se a base econômica do município. Com o forte comércio já predominando e com o surgimento das primeiras indústrias (no segmento metal-mecânico), Joaçaba consolidou a sua posição de destaque no cenário estadual. (Fonte: Wikipédia).

Confira abaixo vídeo produzido por Paulo Afonso:

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X