Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 23/04/2024 | 14:40

Polícia

PM é afastado após tiro atingir pedestre durante blitz em Lages

Publicado em 19/10/2015 ás19:00

Portal do Biguá/Divulgação

Foto: Portal do Biguá/Divulgação

Um policial militar de 27 anos foi afastado da corporação após ter disparado contra um carro em uma blitz em Lages, na Serra catarinense. O tiro atingiu uma pedestre na cabeça neste domingo (18). Segundo o Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, a vítima, uma mulher de 27 anos, segue hospitalizada nesta segunda (19).

Conforme a Polícia Militar, ele fará funções administrativas pelos próximos 30 dias, enquanto corre um inquérito militar e um civil para verificar a conduta dele. O caso ocorreu por volta das 22h no Centro da cidade.

A polícia teria pedido que um Gol parasse em uma blitz. O motorista, de 81 anos, não acatou as ordens e atropelou uma policial de 27 anos. Na sequência, o policial, que estava há cerca de 30 metros de distância, disparou contra o carro. A bala atravessou a avenida Presidente Vargas e atingiu uma mulher em um bar.

PMs são casados
Conforme o comandante da 2º região da Polícia Militar de Lages, Zinder José Guedes Cardoso, os dois policiais são casados. Questionado sobre esse fato, o comandante afirmou não ver problemas. "Isso não interfere na conduta do policial. A escala não é feita em função do relacionamento dos oficiais", disse Cardoso.

O advogado de defesa do policial disse que o disparo foi feito para que o motorista não seguisse em frente. O policial teria visto uma pessoa sendo atropelada, mas não identificou que seria sua mulher, informou a defesa.

O motorista do veículo, de 81 anos, foi encaminhado para a delegacia e autuado para embriaguez ao volante, afirmou a PM. Ele pagou uma fiança de R$ 3,5 mil e foi liberado.

A policial, de 27 anos, também chegou a ser hospitalizada no Nossa Senhora dos Prazeres com fraturas, mas nesta segunda-feira (19) foi liberada, disse a corporação.

Até a manhã desta segunda, o hospital informou que o estado de saúde da pedestre era gravíssimo. Nesta tarde, a administração do local falou que a família da vítima não autoriza mais o repasse de boletim de saúde.

Fonte: G1/SC

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X